Quente

Eu vi em seus olhos a luz do sol

radiando  uma juventude viva

em cores quentes

o ardor de sua pele me fazia transpirar

gotas inebriantes de uma paixão intensa

escondida nas profundezas úmidas da alma

conturbada pelo sol da superfície

quente

de outubro

novembro

de todos os meses

dias e anos

quentes

sem nuvens no  [meu] céu

sol escaldante

Queimando por dentro

meio dia ou meia noite

O suor

o calor

o calar

Cama quente

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s